cisalhamento do solo

ensaio de compressão

Sondagem de Solo

Sondagens e Ensaios de Campo

Sondagem a Trado (ST) com coleta de amostra

Sondagem a Percussão (SPT)

Sondagem Mista (SM)

Sondagem Rotativa (SR)

Poço de Inspeção de Pavimento (PI)

Ensaios de Umidade e Densidade in-situ

Coleta de Amostras Indeformadas e Deformadas

Ensaios de Laboratório

Preparação de amostras para ensaios de compactação, caracterização e umidade

Ensaios de Limite de Liquidez (LL) e Plasticidade (LP)

Determinação da Densidade Real dos Grãos

Análise Granulométrica (Peneiramento e Sedimentação)

Ensaio de Compactação (Proctor Normal, Intermediário e Modificado)

Determinação do Índice de Suporte Califórnia (CBR)

Classificação MCT (Miniatura Compactado Tropical)

Ensaio de Cisalhamento Direto

Controle Tecnológico

Camada Final de Terraplanagem

Controle de Deflexão de Camadas com Viga Benkelman

EN

O futuro não é o lugar para onde estamos indo, mas o lugar que hoje estamos construindo.

by Lúcia Helena

Toggle nav

Sondagem a Percussão (SP) - Ensaio SPT - A técnica mais popular de investigação geotécnica.

foto - Sondagem a Percussão (SP) - Ensaio SPT - A técnica mais popular de investigação geotécnica. por Equipe de Campo em 03/11/2018
255 17

O ensaio de penetração padronizado, também chamado de Standart Penetration Test (SPT), é executado no transcorrer da sondagem a percussão com o propósito de se obterem índices de resistência à penetração do solo (Norma ABNT NBR 6484).

É a técnica de investigação geotécnica mais popular, devido ao baixo custo e à simplicidade do equipamento,  além de possibilitar em uma única operação:

  • a retirada de amostras;
  • a determinação do nível de água;
  • a medida de resistência à penetração, que pode ser correlacionado com métodos semi-empíricos de projeto.

O SPT é o ensaio mais utilizado na prática de Engenharia de Fundações.

Para cravar o barrilete, é usado o impacto de uma massa metálica de 65 Kg, denominada martelo, caindo em queda livre de 75 cm de altura sobre um ressalto situado na parte superior do hasteamento a ele conectado. O resultado do ensaio SPT corresponde à quantidade de golpes necessária para fazer penetrar, no fundo do furo, o barrilete amostrador nos seus últimos 30 cm. São feitas anotações da penetração do barrilete em centímetros, quando o martelo é simplesmente apoiado ou golpeado sobre o ressalto. A medida correspondente à penetração obtida por simples apoio ou zero de golpes pode ser expressiva em solos moles. Na penetração, por batida do martelo, é contado o número de golpes aplicados para a penetração de cada terça parte (aproximada) dos 45 cm do barrilete amostrador. Em cada teste, deve ser feita a penetração total dos 45 cm do barrilete  ou até que a penetração seja inferior a 5 cm após 10 golpes consecutivos, não se computando os cinco primeiros golpes do ensaio, ou quando o número de golpes alcançar 50 em um mesmo ensaio. A cada SPT, prossegue-se o avanço da sondagem empregando-se o trado (acima do nível de água) ou lavagem (abaixo do nível de água) até a profundidade do novo ensaio. 


Precisando de sondagem? 

A Suporte pode te ajudar! Solicite um orçamento através do e-mail: orcamento@suportesolos.com.br


Bibliografia recomendada:

ABNT NBR 6484/01 - Solo - Sondagens de simples reconhecimentos com SPT - Método de ensaio: acesse aqui


Leia também:

Sondagem a Percussão (SP) - O que é? Qual é Norma (ABNT) de Referência?acesse aqui.

Sondagens a Percussão (SPT), preciso mesmo fazer?: acesse aqui

Alerta: Cuidado ao contratar serviços de sondagem!: acesse aqui

Qual a diferença entre os tipos de Sondagens?: acesse aqui



Leave a comment